Você está aqui: Home › Colunas › Boletim
Boletim
Relatório das atividades da ABJK do Brasil

Relatório das atividades da ABJK do Brasil

 

·       12 de junho de 2013: lançamento do livro "Os órfãos de Korczak: vivências de uma educação transformadora", de Ana Szpiczkowski. Mesa de debates com a autora da obra, com Anita Novinsky e com Dalmo Dallari.

 

·       24 setembros de 2013 na sede da B´nai B´rith de São Paulo - 1° Reunião da ABJK: Reativação da ABJK – Ana Szpickowski foi nomeada presidente da associação pelos presente.

 

·       No 8º Mês da Cultura de Paz, o Departamento de Ação Educativa do Centro da Cultura Judaica de São Paulo, promove uma Jornada de Educação baseada nas ideias de Janusz Korczak. Os eventos acontecerão de 15 de outubro a 12 de novembro de 2013. 

 

·       Novembro de 2013: Visita à colônia de férias da ONG VagaLume, dirigida por Silvia Guimarães, que tem como objetivo a mediação pela leitura para o intercambio entre escolas dos vilarejos da Amazonia e escolas de São Paulo. O vinculo que se estabelece com as crianças durante a mediação leva em conta a relação da criança com o adulto, segundo Janusz Korczak.A citada colônia de férias engloba a presença de crianças e educadores que atuam em atividades semelhantes às desenvolvidas no orfanato dirigido por Korczak. A proposta da AJKB é oferecer aos educadores da VagaLume a fundamentação teórica com base em Korczak associada à sua pratica com as crianças atendidas pela ONG VagaLume.

 

 

 

·       REUNIÃO DA AJKB, REAIZADA NO DIA 20/11/2013, ÀS 20HS, NA SEDE DA BNAI BRITH. Os participantes relataram que gostariam de fazer parte da associação para: resgatar o legado de JK como um todo, não apenas seu lado mártir; resgatar seu olhar para a criança, o que pode ajudar todos os educadores, incluindo as mães; o desejo de conhecer mais sobre JK; divulgar JK como pediatra cujas ideias eram muito avançadas para a época e que até hoje continuam válidas; divulgar tudo o que JK fez em vida porque grande parte das pessoas sabe como ele morreu e não como ele viveu; levar JK também para outros campos de atuação. Novas frentes de trabalho foram abertas para atingir esses objetivos:  Levantar os dados necessários para analisar a atual situação fiscal, jurídica e estatutária da AJKB. Fazer a revisão do material produzido durante a Jornada JK no CCJ para publicação de um livro. Elaborar o projeto para a capacitação interna, mas também aberta a outras pessoas. Convidar Helena Singer, Nair Kremer e o presidente da AJK da Holanda o qual está sempre visitando o Brasil. 

Fonte:

 

 

Veja mais "Boletim" [veja todos]

Desenvolvimento : Dexter's